Home
Família
Religiões
Pesquisa
Serviços
Busca
Info
Família Religiões Serviços Busca Pesquisa Info
 
 
BOM HUMOR: você já deu uma boa risada hoje?
 

Gargalhar é uma excelente maneira para relaxar a musculatura. O bom humor é, antes de tudo a expressão de que o corpo está bem. Ele depende de fatores físicos e culturais e varia de acordo com a personalidade e a formação de cada um.

Durante o riso, a endorfina (hormônio que relaxa) é liberada melhorando a circulação e a eficácia das defesas do organismo. O indivíduo sofre menos porque a produz aumentando a tendência de ter bom humor. A endorfina também controla a pressão sangüínea e melhora o sono.

Se você ainda não percebeu, o riso cura humilhações, exigências inúteis, vaidades feridas, ressentimentos e raivas há anos curtidos. O senso de humor funciona como um espelho, dando a importância real de nossos feitos grandiosos ou vergonhosos.

Rir é sinal de saúde. Pessoas mentalmente perturbadas, doentes mentais não têm senso de humor. Presunçosos levam tudo extremamente a sério, inclusive sua própria importância. O bom humor, especialmente quando compartilhado, tem uma dimensão social importante: nos livra do medo do ataque e aumenta a tolerância para com os diferentes conflitos. Com bom humor criamos novas soluções, modificamos o ambiente e influenciamos mais gente.

É claro que o indivíduo que apresenta uma atitude positiva diante de seu problema consegue resultados muito melhores do que aqueles que encaram com falta de esperança e desespero.

Nem sempre dá para achar graça em tudo. Há situações em que a tristeza é inevitável. Você precisa de tristeza e de alegria para ter um convívio social adequado. A alegria favorece a integração e a tristeza propícia a introspecção e o amadurecimento. O equilíbrio é preciso.

NÃO SE ESQUEÇA: ter expectativas positivas é tão necessário para o organismo como comer bem e se exercitar.

 
Fonte:
Data: 24/5/2002
 
 

Voltar

 
 
 
 
 
 
 
 

Copyright ©2002 - Vida Perpétua Serviços S/C Ltda.