Home
Família
Religiões
Pesquisa
Serviços
Busca
Info
Família Religiões Serviços Busca Pesquisa Info
 
 
RECICLAGEM DE LIXO: uma alternativa consciente para preservar a natureza
 

Grande parte do lixo que se produz diariamente vai para aterros a céu aberto onde a sua decomposição pode levar até milhares de anos ou por tempo indeterminado.

Um problema alarmante é que o lixo contribui ainda para a disseminação de doenças, poluição das águas subterrâneas, rios e mares.

O tratamento do lixo doméstico no Brasil é realmente uma tragédia, 76% dos 70 milhões de quilos produzidos por dia, são lançados a céu aberto, 10% em lixões controlados, 9% para aterros sanitários e apenas 2% é reciclado.

Precisamos refletir. Como podemos minimizar esta situação? A primeira coisa a se fazer é conscientizar-se. Podemos e devemos sim fazer a nossa parte e incentivar nossos vizinhos e parentes a também fazê-la.

Reduzir, Reutilizar e Reciclar são as palavras do momento.

Separar o lixo é muito importante. Elementos não orgânicos (como vidro, metal e plástico) levam muito tempo para se decompor e poluem a natureza. O melhor é reciclá-los (utilizá-los para fazer outros objetos). Mas isto só pode ser feito se o lixo for separado já em casa, e depois de recolhido, depositado em locais especiais para ser tratado. Vários tipos de papel também podem ser reutilizados.

Veja dicas simples do que você pode fazer para colaborar!

1- Reduzir o desperdício de alimentos: coma e cozinhe somente a quantidade necessária para a sua família e utilize todos os restos de alimentos como casca de banana e talo de espinafre para fazer bolos, casca de banana para doces, ou seja, reduzindo o desperdício.

Para se ter uma idéia, sete toneladas de alimentos são jogadas fora por dia.

A doação de alimentos que sobram também pode ser feita para instituições como creches, asilos, entre outras. São Paulo, através do Programa Mesa São Paulo, já é um exemplo nacional, doando anualmente mais de 300 toneladas de alimentos.

2. Selecionar o lixo e separar os vidros, papéis, lixo orgânico, latas de alumínio e garrafas de plástico: para tanto, use latas de cores diferentes e coloque um decalque na frente para saber do que se trata.

Na dos vidros, lave-os antes de colocar, retirando toda a matéria orgânica; na dos papéis, coloque jornais, papelões; na do lixo orgânico, somente resto de alimentos, cascas de frutas, etc, inclusive você pode utilizá-lo para produzir adubo orgânico para a horta de sua casa; as latas de alumínio também devem se separadas, bem como as garrafas de plástico (que viram até calças jeans).

Em algumas cidades e bairros já há a coleta seletiva da prefeitura, porém, caso não haja, tente mobilizar um grupo em seu bairro solicitando este serviço.

A SUA COLABORAÇÃO É FUNDAMENTAL!!

Para você saber e pensar...

1. A quantidade de lixo produzida por um ser humano por dia é de aproximadamente 1kg.

2. A cada tonelada de papel produzida, 12 árvores são abatidas. No todo esse material pode ser reaproveitado e transformado em novos produtos ou matéria-prima.

3. Quanto tempo leva para se decompor na natureza:

Papel limpo: 2 a 4 semanas
Lata de alumínio: 200 a 500 anos
Plástico: 450 anos
Tecido de algodão: 1 a 5 meses
Madeira pintada: 12 anos
Chiclete: 5 anos

 
Fonte:
Data: 10/5/2002
 
 

Voltar

 
 
 
 
 
 
 
 

Copyright ©2002 - Vida Perpétua Serviços S/C Ltda.