Home
Família
Religiões
Pesquisa
Serviços
Busca
Info
Família Religiões Serviços Busca Pesquisa Info
 
 
Comportamento: abra sua alma para o novo
 

Todos nós, vez ou outra, somos acometidos por um bloqueio na criatividade, o que nos traz uma sensação de angústia e de incapacidade. Ele pode se manifestar em diversas áreas de nossas vidas: no trabalho, nos relacionamentos afetivos, com os amigos, com os filhos, e até mesmo no lazer.

As novas idéias insistem em não se apresentar em nossas mentes e sentimo-nos acorrentados às idéias e valores antigos, ao mesmo tempo em que nossa alma anseia por renovação. Trata-se de um apelo interno que ainda não encontrou uma forma de expressão concreta, e desperta em nosso íntimo uma insatisfação com o momento presente. É bastante comum o tédio se instalar, e a tendência é deixarmo-nos sucumbir a ele e permanecermos na inércia.

A criatividade baseia-se na renovação, e tanto uma quanto a outra são inerentes à Mãe Natureza, basta observar o ciclo das estações do ano para compreender sua grandeza e importância. É um verdadeiro GUIA DE RENOVAÇÃO, inteiramente grátis e ao nosso dispor o ano todo.

Viver distanciado desta sabedoria é um dos maiores erros do ser humano atual, que ao optar por habitar em grandes cidades acabou por perder esta conexão, outrora tão natural. Ao se afastar do ciclo evolutivo e criativo da Mãe Terra, ele desperdiça uma grande chance de crescimento pessoal e bloqueia com isso sua criatividade.

A natureza é abundante, criativa e generosa! Ela não tem medo de se desfazer do que já não serve mais, de doar-se infinitamente e, com isso, renovar-se. Ela não tem receio de brilhar intensamente quando é chegada a hora, nem de recolher-se quando é necessário.

No outono, ela se descarta da sobrecarga ao perder as folhas velhas e amareladas e armazena forças para recriar-se internamente durante o inverno. No inverno, ela se recolhe, reagrupa as forças e concentra-se no que é essencial. Na primavera, a natureza desperta renovada e floresce. É também nesta época do ano que acontece a maioria dos acasalamentos do reino animal, que vêm a ser a expressão máxima da criatividade! No verão, ela se aquece, se expande e se mostra em todo seu esplendor de luz, calor e cor, para novamente esmaecer seu brilho com a chegada de mais um outono.

Agir de acordo com as leis da natureza é compreender que nem sempre estamos no máximo de nossa força, que os momentos de recolhimento são tão importantes quanto os de explosão e demonstração de força e, acima de tudo, que nossa força criativa reside exatamente nesta alternância.

Enfrentar um “outono pessoal”, em que tudo que não serve mais é descartado, aceitar um período de recolhimento e concentração de forças semelhante ao inverno, soltar a criatividade no mundo em nossa própria primavera e brilhar intensamente e sem medo no verão individual é vivenciar internamente as mudanças de estação do ano, é seguir o fluxo natural de renovação da vida e liberar a criatividade.

“É VIVER O DIVINO DENTRO DE SI PRÓPRIO”.

 
Fonte:
Data: 2/5/2003
 
 

Voltar

 
 
 
 
 
 
 
 

Copyright ©2002 - Vida Perpétua Serviços S/C Ltda.