Cultos e Rituais

Oração
Os cristãos rezam para louvar a Deus e pedir a ajuda e os favores divinos. Por isso, a oração é elemento central de todo culto cristão. Ao orar, os cristãos adotam postura especial: é costume ajoelharem-se, com os olhos fechados e as mãos unidas em súplica.

Atril Medieval
Sermão

O sermão é um discurso sobre um tópico religioso apresentado por um padre ou pregador leigo. Muitas vezes é baseado num trecho da Bíblia que pode ser lido no atril antes do sermão. Quando um orador prega um sermão considera-se que aquela é a "palavra de Deus". Por esse motivo, sermões têm especial importância para o protestantismo.

Pai-nosso
Quando Jesus ensinou seus seguidores a rezar, transmitiu-lhes esta oração, também chamada "Pater Noster" (do latim). É a mais popular de todas as orações do culto cristão. Ao combinar o louvor a Deus, o anseio por Seu reino e a necessidade humana, espiritual ou física, de ajuda divina, o pai-nosso tornou-se modelo das demais orações cristãs.

Púlpito
Os sermões são realizados numa plataforma elevada chamada púlpito. Tradicionalmente, este se situa no lado leste da nave, voltado para o centro. Nas igrejas protestantes, o púlpito pode ter uma posição mais central.

Hinos
Entoar canções sagradas, ou hinos, é parte importante do culto cristão. Originalmente, os hinos eram cantados em grego ou latim; porém, desde a Reforma costumam ser cantados na língua nativa da congregação.

Rosário de Contas - No Ocidente, o rosário, em geral feito de cinquenta contas separadas em grupos de dez, é usado por religiosos e leigos.Ele ajuda na repetição de certas preces durante a contemplação.

Ave-Maria
Esta prece à Virgem Maria, integrada ao culto no século II, é popular na Igreja Católica. Parte da oração é baseada na Bíblia - palavras do anjo Gabriel a Maria. Mas cerimônias católicas, é muitas vezes cantada em latim.